Artigos

08h00

Suicídio online

O policial militar Douglas Vieira, de 28 anos, transmitiu a própria morte na noite do último sábado pelo Facebook. Evidenciou o desespero pelas dificuldades financeiras que vem passando, inclusive com atrasos de salários no Rio de Janeiro, fruto, também, do assalto que políticos e empresários realizaram aos cofres públicos cariocas. As redes sociais têm sido palco de mentiras e dissimulações de felicidade, mas agora com esta tragédia suscitam uma infeliz visão da dor, gerando um macabro interesse social.

É certo, no entanto, que a situação social do policial foi um start para o aprofundamento de um processo de depressão pelo qual ele estava passando, mas não, efetivamente, a causa. Estudiosos do comportamento humano afirmam que, diferentemente do que se pensa, os fatores psicológicos e sociais são consequências e não causas da depressão. Vale ressaltar que neste mundo louco em que vivemos o estresse pode ser fator desencadeante da depressão, mas em pessoas com predisposição genética. Há estudos que afirmam que a depressão ocorre em 19% da população, o que significa que aproximadamente uma em cada cinco pessoas no mundo apresenta a doença em algum momento da vida.

Não confundi, no entanto, com tristeza, pois, ocasionalmente, podemos ficar tristes e angustiados, o que pode passar rapidamente. O sofrimento que a depressão causa não se mede, pois cada um é que sabe, sente a sua extensão. A relutância, porém, em se ver depressivo é uma das causas que acaba retardando o diagnóstico e, consequentemente, o tratamento. Aí surge um grande problema nesse tratamento, pois as religiões, inclusive a minha, vêm quase sempre como causa espiritual, entrando o doente na ilusão de que se curará apenas com esta terapêutica. O apoio espiritual, de qualquer natureza, deve ser coadjuvante, nunca protagonista. O importante é saber que existe tratamento e não há necessidade das pessoas ficarem tolerando tanto sofrimento.

O tratamento mais indicado atualmente para a depressão é uma combinação de medicamentos antidepressivos e psicoterapia, realizado por psicólogos e psiquiatras. Muitas pessoas, entretanto, pensam estar ajudando um amigo deprimido ao incentivarem ou mesmo cobrarem tentativas de reagir, distrair-se, de se divertir para superar os sentimentos negativos. Os amigos que agem dessa forma fazem mais mal do que bem, pois a questão não é de fraqueza ou força de vontade, mas de tratamento. Assim, não se envergonhe, caso esteja em tristeza profunda por mais de três semanas, busque imediatamente ajuda. Você está doente. E nunca esqueça: a sua doença tem controle e remissão de sintomas, e aí você retornará a suas atividades, gerando novas perspectivas de bem-estar e paz.

 

José Medrado

Mestre em Família pela UCSal

Fundador e Presidente da Cidade da Luz

Pre | Desktop e Tablet
Grupo de Assistência
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Colabore
Oficina de costura Romana Medrado
Centro de Cultura e Arte Pai João
Caravana Fraterna
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Next | Desktop e Tablet
Pre | Smartphone
Caravana Fraterna
Oficina de costura Romana Medrado
Colabore
Centro de Cultura e Arte Pai João
Grupo de Assistência
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Next | Smartphone
Rua Barreto Pedroso, 295 • Ptuaçu • Salvador • BA • CEP: 41.741-030 • Brasil
Telefone: +55 71 3363.5538
E-mail: cidadedaluz@cidadedaluz.com.br
2016 - 2021. Cidade da Luz. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para obter mais informações, consulte o nosso política de privacidade e nossa política de cookies. E para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário