Artigos

11h54

Massa de manobra

Nesta manhã de segunda-feira (4), lendo aqui no BNews a manifestação de Lídice da Mata, afirmando que nada sabia sobre a já feita composição da chapa de Rui Costa, independentemente deste jogo de bastidores, que sabemos existente, por todos os lados, no tal computar lealdade, submissão, força de voto e por aí vai... Tudo ainda muito presente na nossa política... Chamou-me, no entanto, a atenção a manifestação de um leitor da mesma notícia, Motta Márcio, quando exara: "foi oferecido à senadora até mesmo um mandato de deputada estadual". Eu achava que para ser deputado (a) tinha que a população votar, mas segundo essa matéria, virou um cargo político, de livre nomeação do gestor, coitada de Lídice, falam tanto em golpe, mas Ruy Encosta (sic) nunca vai lhe perduar (sic) pelo que você falou em 2014”. 

Detive-me, por realçar importante no aspecto que o leitor reage ao afirmar que achava que para ser deputado(a) tinha que a população votar... O lembrado a mim evidenciou que o povo já começa a se dar conta que o importante nesses acertos  de gabinete, esquadrinhados não em cima de projetos de luta, de ações que venham ao encontro das demandas populares, mas nos compadrios e “força”  dos interesses. Não falo aqui em defesa desta ou daquele candidato, de forma alguma, mas dá satisfação de ter lido o que Motta escreveu, repito: evidenciado a sua percepção de uma certa arrogância do poder.

É alvissareiro perceber que aqui e ali, alguém já se insurge contra a conhecida massa de manobra, onde um grupo de pessoas que são motivadas por uma opinião e ou ideologia pré-formada por interesses, alguns inconfessáveis, perfiladas por associações políticas, de mídia, ou mesmo religiões, a fim de influenciar condução para onde eles quiserem, à semelhança de gado tangido.

Precisamos, sim, ser críticos, perceptivos e alinhados ao que o sociólogo Pierre Félix Bourdieu vaticina: "não há democracia efetiva sem um verdadeiro crítico". E, ajusto: pois só assim passaremos a mensagem aos senhores que buscam em nós os seus empregos ou renovação deles, que seus empregadores estamos atentos e querendo, mais do que nunca, ver curriculum e propostas, caso contrário serão desempregados.

 

José Medrado é líder espírita, fundador da Cidade da Luz,

palestrante espírita e mestre em Família pela UCSal.

Pre | Desktop e Tablet
Centro de Cultura e Arte Pai João
Oficina de costura Romana Medrado
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Colabore
Grupo de Assistência
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Caravana Fraterna
Next | Desktop e Tablet
Pre | Smartphone
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Oficina de costura Romana Medrado
Centro de Cultura e Arte Pai João
Colabore
Caravana Fraterna
Grupo de Assistência
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Next | Smartphone
Rua Barreto Pedroso, 295 • Ptuaçu • Salvador • BA • CEP: 41.741-030 • Brasil
Telefone: +55 71 3363.5538
E-mail: cidadedaluz@cidadedaluz.com.br
2016 - 2018. Cidade da Luz. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital