Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para obter mais informações, consulte o nosso política de privacidade e nossa política de cookies. E para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário

Artigos

09h20

Foi pouco...

Honestamente, achei pouco a maioria dos membros do Supremo Tribunal Federal decidiu, no fim da noite de ontem, barrar as aspirações dos presidentes do Senado, Alcolumbre e da Câmara, Maia, em não poderem ser candidatos à reeleição, respectivamente, das Casas Legislativas.

O placar foi de 6 X 5. Chamou-me a atenção, no entanto, que, mais uma vez, os senhores ministros que votaram a favor, tendo Gilmar Mendes como relator, buscarem no contorcionismo de seus entendimentos uma interpretação de possibilidade tão absurda, que nem precisaria de tanta ginástica.

Bastaria perguntar a um adolescente do curso médio o que ele entende por vedada? Uma vez que as Suas Excelências queriam dar nova interpretação à palavra vedada, uma vez que no Art 57, da Constituição Federal, em seu § 4, ipsis litteris:

“ Cada uma das Casas reunir-se-á em sessões preparatórias, a partir de 1º de fevereiro, no primeiro ano da legislatura, para a posse de seus membros e eleição das respectivas Mesas, para mandato de 2 (dois) anos, vedada a recondução para o mesmo cargo na eleição imediatamente subseqüente.”.

Precisa ser ministro do Supremo para ver que lá diz que não pode? O ministro Relator, Gilmar Mendes, disse que assim era na época da ditadura...sim, mas a constituinte já foi na redemocratização, em 1988.

​É tão triste vermos esta promiscuidade entre os Poderes, pois nos gera um pode não pode, dando-nos a impressão de que no Brasil, a princípio, tudo pode, a depender de quem queira. Quem quiser que se engane que acabou o jeitinho brasileiro.

Esse senhor Alcolumbre é um guloso, não faz muito conseguiu adiar as eleições de Macapá, por conta da possível ocorrência de violência, durante o apagão de nergia. Fui ver no mapa. O Amapá tem 16 municípios, muito próximos, em geral: de Macapá para Porto do Céu são 15,3Km; para Santana 26km; para Mazagão 34,8Km.

Curioso que Macapá tão pertinho dos demais, mas o risco de violência só seria nele. Sim, claro, o irmão do presidente do Congresso é candidato a prefeito de Macapá, e precisaria apostar que uns dias fariam o povo da capital do Amapá esquecer a escuridão de quase um mês. Esse pessoal conhece mesmo o povo, o irmão está em segundo turno.

Assim, de jeitinho em jeitinho o Brasil continua sendo um país dos mesmos de sempre, e nós os que construímos esta Nação com o nosso trabalho, suor também continuamos os mesmos de sempre.

Sim, o Carnaval será quando mesmo?

José Medrado Líder espírita, fundador da Cidade da Luz, palestrante espírita e mestre em Família pela UCSal. Também é apresentador de rádio.

Pre | Desktop e Tablet
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Colabore
Grupo de Assistência
Centro de Cultura e Arte Pai João
Caravana Fraterna
Oficina de costura Romana Medrado
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Next | Desktop e Tablet
Pre | Smartphone
Colabore
Centro de Cultura e Arte Pai João
Caravana Fraterna
Grupo de Assistência
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Oficina de costura Romana Medrado
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Next | Smartphone
Rua Barreto Pedroso, 295 • Ptuaçu • Salvador • BA • CEP: 41.741-030 • Brasil
Telefone: +55 71 3363.5538
E-mail: cidadedaluz@cidadedaluz.com.br
2016 - 2021. Cidade da Luz. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital