Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para obter mais informações, consulte o nosso política de privacidade e nossa política de cookies. E para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário

Artigos

10h00

É razoável?

Por favor, não se trata de quem você votou, nem votará sempre; não se trata de sua admiração por motivos que você pode ter em sem números, mas é realmente razoável, que o presidente da República saia afirmando: “Vocês sofreram muito com medidas restritivas sem qualquer comprovação científica. Não existe comprovação científica de lockdown. Não existe.”. Não usar, aglomerar, mas, ao viajar para posse do presidente equatoriano e chegar lá usando máscara? É razoável isso? Sabendo você, como eu e ele que cientistas do mundo inteiro, de relevância afirmam o contrário? É razoável? Claro que há comprovação. Naturalmente, muitos ao lerem vão buscar defender a si e as suas convicções, mas uma vez com conceitos equivocados, como por exemplo ideologia, a tal espontaneidade. Não, por favor!!! Não se trata de ideologia, ou de visão diferente da realidade, ou seguindo outra forma de pensar da ciência. Não. É mentira dizer que não há comprovação científico, e para tanto há nomes mundiais de respeito e estudo – repito – mais que afirmando, comprovando. Lamentável o uso de mentira como forma de convalidar posições. 

Temos recentemente ouvido muito falar o termo “ideologia”, como um só significado. Não há apenas um significado, ele é polissêmico, ou seja, possui vários sentidos. Essa multiplicidade de sentidos torna difícil a precisa identificação e conceituação da palavra, razão pela qual muito a utilizam de forma equivocada ou mesmo de má-fé para desqualificar uma ideia ou, ao contrário, dar reforço de conteúdo a algo sem sentido. Teoricamente, a ideologia em si é quase tão antiga quanto a filosofia, tendo seus primórdios remetidos à Antiguidade Clássica, com os pensamentos do filósofo Aristóteles. Porém, o termo somente foi criado na modernidade com o filósofo francês Destutt de Tracy, ganhando o status de uma ciência que abordaria a formação e a construção das ideias, na percepção sensorial do mundo externo.

Infelizmente, o senso comum, o entendimento geral, vê a ideologia como um simples conjunto de ideias ou uma idealização sobre algo. Porém, ela não pode ser vista dessa forma, deveremos, então, percebê-la de duas maneiras científica, filosófica: a visão clássica e a visão crítica. Na visão clássica, o termo tem o significado de uma espécie de ciência capaz de organizar metodicamente e estudar rigorosamente o conjunto de ideias que formam a intelectualidade humana. Na visão crítica, a ideologia é uma ilusão criada por uma classe para manter a aparente legitimidade de um sistema de dominação. Pareceu familiar? Isso é ciência, estudo. Dessa forma, entendemos que a apropriação lugar-comum, digamos assim, da expressão ideologia no nosso País tem sido mais para o segundo aspecto, envolvendo, inclusive, mais que ilusões, muitas vezes, inverdades, na defesa de princípios. 

Independentemente, de admiração, de aceitação e concordâncias quanto à forma de ser do presidente da República, não se pode concordar, na contramão de tudo que o mundo civilizado defende na pandemia, do que disse Bolsonaro, que voltou a reiterar as críticas que vem fazendo ao isolamento social enquanto instrumento de combate ao corona vírus. E assim o foco vão sendo tirado de tudo que acontece por estas nossas terras.

José Medrado é líder espírita, fundador da Cidade da Luz, palestrante espírita e mestre em Família pela UCSal.

Pre | Desktop e Tablet
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Colabore
Centro de Cultura e Arte Pai João
Caravana Fraterna
Grupo de Assistência
Oficina de costura Romana Medrado
Next | Desktop e Tablet
Pre | Smartphone
Oficina de costura Romana Medrado
Colabore
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Grupo de Assistência
Centro de Cultura e Arte Pai João
Caravana Fraterna
Next | Smartphone
Rua Barreto Pedroso, 295 • Ptuaçu • Salvador • BA • CEP: 41.741-030 • Brasil
Telefone: +55 71 3363.5538
E-mail: cidadedaluz@cidadedaluz.com.br
2016 - 2021. Cidade da Luz. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital