Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para obter mais informações, consulte o nosso política de privacidade e nossa política de cookies. E para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário

Artigos

10h00

Possível crime?

Uso faz alguns anos de CPAP, em livre tradução do inglês, Pressão Positiva Contínua nas Vias Aéreas, sendo um dispositivo recomendado para o tratamento de distúrbios respiratórios, no meu caso apneia do sono. Há mais de um mês a competente fisioterapeuta que me acompanha, encaminhou o alerta 3562 , da ANVISA, em Atualização (Tecnovigilância) - sobre Philips Medical Systems Ltda - Ventilador Pulmonar; Sistema Bipap, alertando para a degradação de espuma e emissão de compostos voláteis em ventiladores pulmonares. Entrei em contato a mais 40 dias até o presente momento, nada do tal recall. 

Chamou-me a atenção, no entanto, que geriatra com quem estive conversando desconhecia completamente este alerta, bem como pessoa que faz uso. Estamos falando de aparelho que sustenta a vida, ou para muitos ajuda a melhor espirar, ou seja, algo de tamanha gravidade, sem qualquer divulgação em mídia. Acostumado a ver chamamento de recall para carros e até motocicletas, a  Philips parece dar com os ombros acerca da gravidade da descoberta. Assim, repasso na sequência, ipsis litteris, o encontrado na página da ANVISA, alerta 3562: Ventilador Pulmonar (Registro 10216710291); Ventilador E30 (Registro 10216710389); Sistema Bipap (Registro 10216710333). Nome Técnico: Ventilador Pressão e Volume; Ventilador de uso contínuo para suporte ventilatório mínimo; CPAP de Nível Duplo. A Philips Respironics iniciou uma ação de campo relacionada aos dispositivos descritos acima devido a dois problemas relacionados à espuma de redução de som de poliuretano (PE-PUR) à base de poliéster usada nos ventiladores contínuo e não contínuo da Philips: 1) a espuma PE-PUR pode degradar-se em partículas que podem entrar na via de ar do dispositivo e ser ingeridas ou inaladas pelo usuário; e 2) a espuma PE-PUR pode liberar certos produtos químicos.  (...) 

“O paciente pode ser exposto a partículas de espuma por inalação ou ingestão, o que pode resultar em danos à saúde. A ausência de partículas visíveis não significa que a degradação da espuma não tenha começado. A empresa realizou análise laboratorial da espuma deteriorada e identificou a presença de substâncias químicas potencialmente nocivas, incluindo a toluenodiamina; diisocianato de tolueno e dietilenoglicol. (...)

“A eliminação de compostos orgânicos voláteis (VOC) presentes na espuma pode ocorrer durante a operação inicial e pode continuar durante toda a vida útil do equipamento médico.  Os VOC emitidos podem provocar efeitos adversos à saúde a curto e longo prazo. Esses problemas podem resultar em lesões graves, causar comprometimento permanente ou exigir intervenção médica para evitar comprometimento permanente.” . 
 
Pois é, mandamos e-mail para Philips Brasil, chamamos o 0800 e sempre aquela resposta-enrolação: “Estamos providenciando....”. E o pior, minha grande preocupação: quantos ainda estão sem a menor ideia do que está se passando, nada na mídia, ou seja, vidas brasileiras parece que não importam?

José Medrado Mestre em família pela Ucsal e fundador da Cidade da Luz

Pre | Desktop e Tablet
Caravana Fraterna
Grupo de Assistência
Colabore
Oficina de costura Romana Medrado
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Centro de Cultura e Arte Pai João
Next | Desktop e Tablet
Pre | Smartphone
Caravana Fraterna
Oficina de costura Romana Medrado
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Grupo de Assistência
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Colabore
Centro de Cultura e Arte Pai João
Next | Smartphone
Rua Barreto Pedroso, 295 • Ptuaçu • Salvador • BA • CEP: 41.741-030 • Brasil
Telefone: +55 71 3363.5538
E-mail: cidadedaluz@cidadedaluz.com.br
2016 - 2021. Cidade da Luz. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital