Artigos

10h00

Morte de Marília e as contingências

Queria fazer uma abordagem diferente sobre a trágica morte de Marília Mendonça. Isso porque, inclusive, o Henrique Ribeiro, muito mais que o seu produtor, amigo e protetor, foi menino, adolescente que, ao lado da família, foram e são voluntários na Cidade da Luz. Henrique morava agora em Goiânia. Ele começou o seu entusiasmo por música, fazendo arrumação do som, às terças-feiras para as minhas palestras. Tanto assim, que quando o viam ao lado da rainha da sofrência, perguntavam-me se não era o menino do som da Cidade da Luz. Menino que se tornou encantador homem, sorriso aberto e abraço fofo, como, a pedido da família, falei em seu velório. Pois bem, não podemos conceber o destino como algo determinado, especificado, haja vista que se assim fosse no que adiantariam os remédios, os cuidados com a saúde se tudo já estaria determinado. Destino certo. Não. Muitos estudiosos dos processos humanos usam hoje o termo "sociedade de risco", ajustando-o ao contexto individual e de comunidade. Estabeleceu-se um clima de incertezas e perigos em tudo, desde um simples comentário em redes sociais até o transitar nas ruas, e o pior: estar na própria casa. 

O processo de viver nesses dias atuais está gerando o estabelecimento crescente de um conceito, não bem interpretado, que paira nos questionamentos filosóficos desde Aritóteles. O conceito de contingência. Geralmente, as pessoas confundem facilmente seu entendimento com o acaso ou algo imprevisto. É mais complexo que isso. Aristóteles, na filosofia e na teologia  Tomás de Aquino e, mais recentemente, na sociologia, nas obras de Talcott Parsons e de Niklas Luhmann, a contingência denomina algo que não é necessário, nem impossível (perceberam as posições contrárias, mas reais em suas situações: caso específico de Marília, Henrique e demais passageiros - não era para ser necessariamente daquela forma, já que não há determinações, senão consequências do que decidimos, mas não seria impossível, uma vez que usavam constante e frequentemente aquele meio de deslocamento). 

Associa-se, então, a este conceito a concepção de riscos. Ou seja, se mais me exponho em determinadas situações maiores são os ricos de uma contingência acontecer, ou ainda, para não ficar apenas no âmbito do ruim: quanto mais realizo em um sentido, mais estarei exposto às consequências positivas e ou negativas daquela exposição. Perceberam? Ou seja, em tudo no nosso dia a dia estaremos, nas escolhas e ações, nos submetendo às contingências de suas consequências para o bem ou para a possibilidade de algo ruim, muito ruim, trágico mesmo acontecer. Isso não quer dizer que devemos dar azo ao medo e não nos mobilizarmos na direção dos nossos sonhos, desejos, lícitos e éticos, claro que não. Entender, no entanto, que estarmos neste momento por aqui, Terra, Brasil, onde quer que se esteja, caminhando com os riscos e contingências para a possibilidade de permanentes eventos danosos, sejam eles frutos de uma ação individual, sejam resultado não intencionado de uma ação coletiva, sejam ainda simplesmente fenômenos naturais com efeitos negativos para a sociedade. Ou nada disso, e sim conquistas de sonhos e alegrias. Mas, continuaremos sujeitos a qualquer coisa, é o tal viver. 

 

José Medrado Mestre em família pela Ucsal e fundador da Cidade da Luz


 

Pre | Desktop e Tablet
Oficina de costura Romana Medrado
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Grupo de Assistência
Caravana Fraterna
Colabore
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Centro de Cultura e Arte Pai João
Next | Desktop e Tablet
Pre | Smartphone
Projeto viver Pituaçu na Cidade da Luz
Grupo de Assistência
Centro de Cultura e Arte Pai João
Grupo de orientação maternal Irmã Maria Angélica
Oficina de costura Romana Medrado
Colabore
Caravana Fraterna
Next | Smartphone
Rua Barreto Pedroso, 295 • Ptuaçu • Salvador • BA • CEP: 41.741-030 • Brasil
Telefone: +55 71 3363.5538
E-mail: cidadedaluz@cidadedaluz.com.br
2016 - 2021. Cidade da Luz. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para obter mais informações, consulte o nosso política de privacidade e nossa política de cookies. E para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário